sábado, março 07, 2009

A arte de mal dizer




Grande parte dos Seres Humanos é artista do mal dizer.
São pessoas que gostam de criar intrigas, de falar mal dos outros sem qualquer razão.
Apenas lhes dá prazer ver as pessoas zangadas. Enfiam-se no meio, depois, como pacificadores e senhores do bem. Numa tentativa de parecerem os sensatos, os fixes!
Há mentes do catano.

As mentes, destes artistas, estão sempre em acção. Estão sempre a pensar na intriga seguinte e muitos vivem isso de uma forma tal, que podem ser chamados de mestres do mal dizer.
Dedicam-se a estudar qual o alvo do momento, o mais vulnerável. E atacam.
Penso que até devem fazer os planos numa folha, desenhando as ramificações e escrevendo os nomes dos alvos a abater.

Acabam sempre por se espalhar.
Isso não implica que não tenham deixado as suas marcas, e isso já os satisfaz.
É triste.

Há mentes, meus amigos, diabólicas.

5 comentários:

Horushu disse...

Olá, amigo Bernardo!
Um tipo que também detestava intriguistas, era o Dostoievski. Dos poucos que li dele, o meu preferido é "Demónios". A primeira e a segunda página desse livro é um tratado acerca de intriguistas, absolutamente genial: de ler quando tiverem o livro na mão.
Um abraço,
Jorge

Idaldina Martins Dias disse...

Há gente - será que são gente? - que não merece, sequer, o ar que respira!
Se repararmos, a grande maioria dos que maldizem, têm uma inveja figadal dos seus alvos.
Eu acredito, que muitas vezes, o que dizem dos outros volta para eles mais rápido do que pensam. Apetece dizer-lhes:-Calem-se e falem.
Bom domingo.
Idaldina

Alexandre disse...

Infelizmente, hoje em dia há por aí muita gente assim. Gostam de fazer a vida negra aos outros para completar a sua felicidade.
É pena, Portugal hoje em dia ser assim. E como disseste e bem, 'na maioria dos portugueses têm a arte do mal dizer'.
Às vezes pode ser mesmo feitio da pessoa, não classificado como um defeito. Enfim, temos de respeitar isso, mesmo que não concordemos.
Bom texto, Bernardo. ;)

tronxa disse...

cum escafandro...

nao me digas k andaram intriguistas a rondar a tua porta...

fonix, gente mais askerosa!!!

sorte a minha k nunca lhes liguei um corno!!

bjnhsssss de bom domingo!!

Bill Falcão disse...

E como existem mentes diabólicas por aí, meu caro Bernardo!

Olha, acabei de publicar aquele texto que você me enviou, aquele "discurso político", tá lembrado? Vai lá ver se ficou bom!

Agradeço novamente a sua colaboração, e estarei sempre por aqui, acompanhando seu blog!

Grande abraço!!