terça-feira, maio 01, 2007

THINKING BLOGGER AWARD


A querida Miss Alcor ontem atribuiu-me um “Thinking Blogger Award” e penso que agora é a minha vez de o atribuir a outros bloggers.
Como bem entendi, o prémio não pode ser atribuído às pessoas que o já receberam. Espero que os meus grandes amigos da blogosfera que não vão ser galardoados não fiquem chateados, eu fico chateado por não poder atribuir a todos mas parece que “as regras do jogo” não o permitem.
Há uns dias foi-me colocada a questão de o porquê de não colocar links no meu blog. A resposta foi porque não gostaria de por lapso deixar de colocar algum blog e algum amigo ficar chateado.
Neste caso, volto a repetir peço que ninguém fique chateado. Todos os blogs que visito para mim merecem o prémio.
Então o primeiro vai para:
-INFLORESCÊNCIAS de Graça Maciel. Um blog muito BONITO! Com poemas FANTÁSTICOS! A Graça é uma pessoa que tem um sentido de humor fora do comum, escreve de uma forma única, fantástica e é uma MULHER extremamente humana.
-SORUMBÁTICO de Carlos Medina Ribeiro. Um blog muito actual! Com grande sentido de humor. Artigos sempre muito interessantes. Sugestões muito curiosas. Bom, uma variedade de temas fantásticos que seria muito complicado descrevê-los num texto supostamente pequeno.
-MATRAQUILHO IRREQUIETO de Hugo Pereira. Um blog muito interessante, muito pessoal! O Hugo aborda temas de experiências pessoais,única e exclusivamente. As fotografias, os vídeos e textos são todos de experiêmcias que ele viveu. Escreve de uma forma FANTÁSTICA! Tem um sentido de humor muito refinado. É um blog que vale muito, muito a pena visitar e apreciar.

4 comentários:

Anónimo disse...

Nem me lembres do SELO.
Tenho o meu para RESPONDER e estou em falta.
E confesso que até tenho medo de nomear uns tantos mais.
touaqui42

Miss Alcor disse...

Só uma pequenina correcção. Não pode ser atribuido à pessoa que te atribuiu a ti! Por isso, só não o podias atribuir a mim. De resto, estás à vontade para o atribuires a quem o quiseres! ;)

GMaciel disse...

E quem ficou sem palavras, agora, fui eu.
Muito obrigada, Bernardo, é tudo o que consigo dizer. Pelo apoio que me tens dado, pelo carinho, pelo entusiasmo, pelas bonitas palavras que me dedicaste. Gostaria de ser tudo o que dizes, mas fica-me a alma quente por saber que pensas assim.
Muito, muito obrigada e uma joca bem grande da reserva especial.
:)
PS: depois de ler a correcção da Miss Alcor, só te pergunto: eu não disse que sou burra???
:))

Bernardo Moura disse...

Querida Graça,
não tens de ficar sem palavras. Mereces e muito.
As tuas palavras e carinho também me ajudam muito, de uma forma que nem imaginas.
Beijos