quarta-feira, maio 23, 2007

Graçola?


“O património financeiro dos portugueses está a aumentar e a um ritmo maior do que o endividamento. No final do ano passado, a diferença entre o dinheiro entregue a instituições financeiras e o pedido emprestado era positiva, a favor das famílias. Depois de pagas todas as dívidas, os particulares conseguem ficar com um saldo positivo de 171 mil milhões de euros, mais do que toda a riqueza produzida pelo país num ano (110,2%), revelou o Banco de Portugal (BdP), ontem.” (Noticia J.N.)

Há determinadas “graçolas” a que eu não acho piada nenhuma e esta é sem dúvida uma delas.
Esta tentativa de tapar os olhos é destinada a quem? Não é com certeza aos portugueses, nem aos restantes europeus. A quem será?

8 comentários:

Anónimo disse...

BOM.
DESEJO SABER QUEM ESTÁ GOZANDO COM O DINHEIRO QUE JUNTEI ???????.
SÃO UNS ABUSADORES ESTES ECONOMISTAS.
SÃO MESMO UNS VISTAS LARGAS.
JUNTAR DINHEIRO, MAS QUEM CONSEGUE JUNTAR DINHEIRO NÃO ME DIRÃO ????.
A NÃO SER POLITICOS, ECONOMISTAS, ASSESSORES, TACHISTAS, ETC ETC ETC.
VÃO LÁ GOZAR COM O PAIZINHO DELES.
CHIÇA, JUNTAR.
UM GOZO NÃO É ?????.
touaqui42

Bernardo Moura disse...

Caro Touaqui42,
é um gozo do caraças.

Bia disse...

hã... devem de ser ter enganado aí algures...

Bernardo Moura disse...

Também me parece que sim.

GMaciel disse...

Outro que merece uma coisa que eu não digo por outra acima que não repito!!!
:(

Bernardo Moura disse...

Exacto.

Miss Alcor disse...

Bem... o meu património é nada... a não ser que a carrada de livros que aqui tenho contem para alguma coisa!
Gostam de brincar esses senhores do banco... gostam, gostam..

Bernardo Moura disse...

São uns brincalhões, são, são. :(
Bj.