segunda-feira, julho 28, 2008

«Portugal, campeão da imobilidade» era o estranho título que, há algum tempo, se lia num jornal diário. A explicação vinha adiante, em letras pequenas, e permitia-nos ficar a saber que há campeonatos internacionais para aquela actividade a que já todos assistimos, e que consiste em ficar imóvel o mais possível - normalmente na via pública.
Pois bem. Esta manhã, na Av. Guerra Junqueiro, em Lisboa, podíamos ver um praticante da modalidade... a descansar.

5 comentários:

Rufino Fino Filho disse...

vamos lá a ver se nos entendemos: então o gajo ganha a vida a fazer de estátua e é criticado por não fazer puto; o gajo não faz puto e é criticado por estar estático? Esse olho do c. está a ver as coisas pelo dito.
Abraço
Rufin

Carlos Medina Ribeiro disse...

Se a profissão dele é
ficar quieto, devia descansar mexendo-se.

Bernardo Moura disse...

EHEHEHEH!!
Exacto!

miriamdomar disse...

Ora aí está um belo exemplo, daquilo que querem que o povo português seja!Campeão da Imobilidade!
Cada vez existem mais!

Bernardo Moura disse...

É verdade.