quarta-feira, janeiro 17, 2007

CALMA



Nesta altura do ano as pessoas andam com o nível de stress no máximo.

Andam pelas ruas tanto a pé como de carro de cara fechada e com o ar de que está pronto para bombardear o próximo com palavras desagradáveis. Andam egoístas, mesmo sem dar por ela. Inconscientemente, estão sempre a pensar: “Só a mim é que tudo corre mal.”.

Principalmente nesta altura é que as pessoas devem parar durante uns minutos e respirar, sim respirar um pouco, fazer umas boas inspirações e expirações e enquanto o fazem reflectir se vale a pena estar a perder tanto tempo da sua própria vida a desfazer-se com “coisas” que ao fim e ao cabo não existem.

Mesmo com os problemas que existem tentar resolvê-las de cabeça limpa pois sempre será mais fácil agir.

9 comentários:

Tongzhi disse...

Concordo com o mal e a terapia. Só ressalvo ser apenas nesta altura do ano... acho que se está a tornar "fado".

Jofre Alves disse...

Como dizia o outro, «o povo é sereno», é hoje também sorumbático e tristonho.

Bernardo Moura disse...

Caro Tongzhi,
sei que não é só nesta altura do ano. Tanto que disse que o pico máximo é nesta altura do ano de uma forma generalizada. Mas infelizmente é em todas as alturas do ano que se vê como diz e bem Jofre Alves o povo "sorumbático e tristonho".
Abraço.
P.S.: Não sei se fui muito explicito ainda agora comecei a trabalhar e dormi pouco

js disse...

...quando estamos a ser bombardeados a todo o momento com medidas que nos prejudicam ..não dá para ter alegria..
FORÇ'AÍ!
js de http://politicatsf.blogs.sapo.pt
(não sei se continuas a ter o mesmo problema ao aceder ao meu blog, o que eu reparei é que quando se entra ele penduara um bocado...mas se entrarmos com o painel reduzido em vez de maximizado ... enquanto ele desbloqueia pode-se navegar noutras paginas web)

Bernardo Moura disse...

Caro Js,
Continua a bloquear.Ainda hoje deixei um comentário no meu próprio blog no post que lhe dirigi. Não é apenas pendurar um pouco fico mesmo sem poder aceder a nada e tenho que fechar a página e voltar a abrir a net.
Abraço

lino disse...

Pois, Bernardo!
O meu patrão na me deixa pôr um cliente mal educado na rua. Nem sequer desabafar ao telefone. E, depois, ter de atravessar Lisboa inteira no trânsito entre as 17H00 e as 19H00 é de loucos.

cassia disse...

Pois é... este texto condiz exactamente com o meu estado de espírito, tenho andado com stress ao máximo!
Beijinhos:)

Bernardo Moura disse...

Neste post quis de certa forma demonstrar que todos temos problemas e andamos sempre com algo que nos provoca stress.Contudo, penso que devemos ser um pouco egoistas e pouparmo-nos de determinadas coisas.Não nos deixarmos embrulhar de tal forma no stress porque acabamos por nos destruir a nivel psicologico e fisico.
Eu tento viver de uma forma tranquila.Não é facil, nada facil. Mas se pelo menos de vez enquando me lembrar de determinadas formas de defesa e as utilizar já não é mau.
Não quero dar comigo a pensar daqui a uns anos:" Porque é que eu perdi tanto tempo da minha vida com merdas?". Espero mesmo que isso não aconteça.

Bernardo Moura disse...

Caro Lino,
O cliente que eu mandei retirar-se da minha loja foi um caso isolado.
Acredite que todos os dias tenho que engolir muitos sapos.