quinta-feira, setembro 06, 2007

POR TU GAL !



Tristes momentos atravessamos.
Dou por mim a pensar como será Portugal daqui a poucos meses. Sim poucos meses, não anos.
Ninguém tem estabilidade monetária. A não ser os que realmente têm um grande património e estão a expandi-lo no exterior.
Está-se a formar um fosso cada vez maior entre os que têm muito dinheiro e os que não têm nada.
Vejo os portugueses tristes e com razão. Ninguém sorri, mesmo! Olhem para a cara uns dos outros quando saírem à rua, olhem!
Ninguém gosta de ser enganado e nós fomos muito enganados.
Não se compreende porque é que o governo que comanda o país neste momento, só toma medidas que não se ajustam às necessidades reais!
Numa tentativa de engordar os cofres do Estado, estão a depenar a população.
Não é o Estado que tem que servir a população e não o inverso?
As ideias e os ideais andam baralhados.
É tal a balbúrdia que todas as taxas consideradas negativas aumentaram perigosamente. A taxa de criminalidade, de desemprego, de falência, de.. eu sei lá, de tudo.
O sistema de saúde está péssimo. Casos de nascimentos em estradas como nunca antes se viu, pessoas nos hospitais em filas de espera como não há memória e uma grande falta de interesse para resolver esta situação por parte de quem comanda o sistema.
O porquê disto tudo? Má gestão, muito má.
Deparamo-nos com discussões sobre projectos megalómanos, quando existem tantos pequenos projectos que ainda não foram sequer ponderados. Ouvem-se frases: “ O país não pode parar..” e dá-me vontade de dizer:” Eu também não posso parar por isso quero o meu Ferrari, a minha vivenda e tudo a que tenho direito já, não posso mesmo parar!”?!!?!
Dentro de um ano e meio vamos ter escolher um novo governo e quem? Sim e quem?
Ou será alguém que vai continuar a escavar o buraco ou então alguém com muita garra e paciência para conseguir colocar Portugal nos eixos.
Mas onde para esse alguém, sabem?

8 comentários:

António Sabão disse...

Bernardo, estás revoltado e com toda a razão! Pelo menos tens coragem e frontalidade para dizer o que pensas e, provavelmente, sentes na pele! Como tantos portugueses que não sabem para que lado se hão-de virar:( E alternativas a esta podridão, viste-las? Está bonito e nós estamos feitos, porque penso como tu!
Bom texto :) Merecia maior divulgação!

Bernardo Moura disse...

Estou mesmo revoltado.
Já há muito tempo que estou e não vejo nada a mudar, absolutamente nada. Pelo contrário só vejo o país a piorar. As pessoas vão falando mais do que falavam há uns tempos, mas ninguém faz nada. Ninguém se mostra realmente indignado.
Esta situação faz-me lembrar uma frase: " Quanto mais me bates mais gosto de ti!", é o que parece.
:(
Abraço

Bernardo Moura disse...

Detesto comentar e postar a esta hora.
É sinal que não tenho clientes.
:(

Anónimo disse...

O que dizer na verdade da situação deste País.
Olha Bernardo estamos revoltádos estamos e podes crer que nas próximas eleições darei o meu recado a este GOVERNO/PS.
Uma maravilha de buraco entre ricos e pobres.
Veja-se os JUROS, paga ZÉ POVINHO.
Veja-se a Carestia de Vida, cada vez mais cara, uns comem bifes e outros hoje nem já comem a sardinha partida a três.
Está num descalabro este PORTUGAL.
Só mentiras e mentiras para livrar o traseiro de alguns que fazem uma VIDA no BEM BOM.
Vamos dar a resposta nas próximas eleições.
Faça um clix e apague a luz a esses que só querem encher a sua bolsa.
touaqui42

gasolina disse...

Temo que se esse alguém existe, alguém o tente abafar...

Da forma como andam a "calar"

Beijinho!
Óptimo click para a consciência!
Vamos Acordar!!!

Bernardo Moura disse...

Acho que é mais que tempo de acordar!

GMaciel disse...

Olha, Bern, como não vejo alguém com credibilidade insuspeita, voto em branco.
Votar para quê???? Eles querem todos o mesmo e farão todos o mesmo. Pô-los a todos num avião e mandá-los para o Iraque como escudos humanos, ainda era pouco.
:(

Bernardo Moura disse...

Pois!