quinta-feira, março 23, 2006

Professora com t.....





















História verídica ocorrida numa Faculdade do Porto.
Uma professora universitária acabava de dar as últimas orientações aos alunos acerca do exame que ocorreria no dia seguinte. Finalizou alertando que não haveria desculpas para a falta de nenhum aluno, com excepção de um grave ferimento, doença ou morte de algum parente próximo.Um engraçadinho que estava sentado no fundo da sala, perguntou com aquele velho ar de cinismo:"De entre esses motivos justificados, podemos incluir o de extremo cansaço por actividade sexual??"A classe explodiu em gargalhadas, com a professora a aguardar pacientemente que o silêncio fosse estabelecido.Assim que isso aconteceu, ela olhou para o palhaço e respondeu:"Isso não é um motivo justificado. " - e continuou serenamente - "Como o exame será de escolha múltipla, você pode vir para a sala e escrever com a outra mão...ou se não se puder sentar, pode responder de pé. "

4 comentários:

Swatch disse...

Grande mulher, é assim mesmo!!!

Bernardo Moura disse...

Eu ainda sou um jovem, mas sinto que as pessoas mais novas esquecem-se que os mais velhos, como o caso desta professora, já passaram pela idade deles e têm uma "bagagem" de resposta muito superior. Mas também é assim, com os mais velhos a darem estas lições que se vai aprendendo a estar calado em determinadas alturas!

Anónimo disse...

toma e embrulha para a próxima não se armar em esperto , se calhar nem de pé se sentiria bem teria que usar aquela rodinha no traseiro eheheheh.

Bernardo Moura disse...

E mesmo com a rodinha, humm!!! Não sei não! :)